Arquivos do Blog

Maquiagem e seus tipos – Parte I – Maquiagem Conceitual

A Maquiagem conceitual de Vivienne Westwood

Todo mundo que curte moda já ouviu falar da irreverente Vivienne Westwood, sua roupas expressão seu estilo de vida. Toda sua referência vem do movimento Punk, que nesta coleção de Outono Inverno 2011/12 apresentada em Paris, fica bastante explicito na make das modelos:

Nesta coleção Vivienne vai da  alfaiataria , passando pelo casual até chegar na moda festa.  Seus estilo rebelde é traduzido em suas roupas, e a maquiagens.

As pessoas comuns, podem achar os looks, penteados e maquiagens de extremo mau gosto, e  muitas vezes se perguntam: “Mas quem é que vai usar isso?” A resposta é simples: Nínguem!

Os defesfiles, principalmente os de marcas luxuosas, expressam um conceito, que sintetiza uma ideia, daí surgem as roupas que, geralmente,  não são “vendíveis”. Como exemplo, uma marca poderia lançar uma coleção de verão baseado nos oceanos, então os oceanos seriam traduzidos em roupas vaporosas, leves, azuis, verdes, etc…,  e a maquiagem, “faz parte do show”, é um complemento que ajuda na tradução desse conceito.

A maquiagem conceitual não é usável, mas, digamos, artística, para passarela, desfiles, ou teatros. Afinal ninguém vai sair por ai com a cara pintada de de punk, a não ser que essa pessoa seja adepta do movimento.

 Confira em nossa galeria outros look do desfile de Vivienne e também outras maquiagens conceito.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Imagens retiradas do Google

Paris Fashion Week – imagens inspiradoras

Dior:Apresentou um mood ladylike moderna, com elementos 50’s.

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Christian Dior

Givenchy: elementos masculinos, com peças de alfaiataria e outras com tranparêscias e babados.

Givenchy

Givenchy

Givenchy

Givenchy

Nina Ricci: sempre investindo em romantismo, a marca apresentou visuais bem girly e com algumas transparências.

Nina Ricci

Nina Ricci

Detalhe para os coraçõezinhos.

Nina Ricci

Jean Paul Gaultier: cartela de cores entre branco, rosé, laranja e verde e modelagem de blazers, shorts, rendas e fendas.

Jean Paul Gaultier

Jean Paul Gaultier

Jean Paul Gaultier

Esses são alguns dos grandes nomes do ParisFW – spring 2012. Para quem quer ver mais, olha nesse site aqui.

Amanhã à noite tem Louis Vuitton e Elie Saab, por quem aguardo loucamente ansiosamente.

Gostaram?

100 anos de moda em 100 segundos

Olha que videozinha bacana esse! Vi num blog amigo, o “Chata de Galocha“, e amei.

100 anos de moda em um videozinho rápido de 100 segundos – 1 segundo por ano – é bem legal e super criativo.

Deixo meus parabéns para quem teve a ideia, quem fez a música, o figurinista, maquiador, cabelereiro, coreógrafo e principalmente para os dançarinos que devem ter repitido a mesma coreografia umas 100 vezes (no mínimo… rsrs).

 

 

Eu e meu Oxford

Que os sapatos Oxford estão na moda não é nenhuma novidade, afinal, tem deles em toda vitrine por aí. E que vieram do guarda-roupa masculino todo mundo também já sabe.

Dizem que o modelo ganhou esse nome porque virou modinha, (assim como é hoje), na Universidade de Oxford, na Inglaterra do século XVII. E esteve predominantemente no vestuário masculino até recentemente.

A novidade é que agora o calçado está bombando nas vitrines femininas; e o problema é que, por ser algo novo, ainda não temos o hábito de usá-los e a chance de errar na montagem do look acaba aumentando.

Como boa “aprendiz de fashionista” ;), corri para ter o meu. Mas e o medo de errar?

Para não correr esse risco, escrevi para a Ana Vaz – consultora de imagem (já falei dela aqui), e perguntei como usar meu oxford. Ela foi super atenciosa e fez um post no blog dela só para esclarecer a minha dúvida (obrigada Ana!).

O meu oxford é o dourado da foto:

Resumindo, a idéia é quebrar um pouco da masculinidade do sapato deixando o restante do look mais feminino, com uma saia longa, por exemplo. Quem sabe um vestido, como já vi em outros blogs.

Deixo aqui algumas imagens inspiradoras que tenho no computador – e infelizmente já não sei de onde são para dar os devidos créditos – com looks com Oxford.

E pra quem quiser ler o post que a Ana Vaz escreveu esclarecendo minha dúvida, esse é o link.

Pronto meninas, agora não tem mais desculpa pra errar.

 

Cadeira Azul – Moda e Estilo para eles

Fazendo um pequeno trocadilho, lanço hoje uma nova cadeira do blog. Já que o rosa apresenta uma ideia predominantemente feminina, deixo o azul como uma alusão aos homens –  sem qualquer tipo de preconceito, já que sou super a favor da permuta de cores entre os gêneros -.

Achei que o Cadeira estava precisando de um toque “unissex”, afinal não temos apenas seguidorAs, temos seguidorEs também. 😉

Agora vamos ao que interessa:

Só eu acho super interessante as vitrines de lojas masculinas? Imaginar o boyfriend, paquera, amigo, irmão, pai, ou aquele cara ideal naqueles looks super fashion?

Desfile Giorgio Armani - Men - verão2012 (Milão)

Vestir bem é para eles também, e as grandes grifes sabem disso. Tudo bem que o foco de desfiles e lojas são as mulheres, até pelo fato de elas comprarem mais e, na maioria das vezes, se importarem mais com isso. Mas isso não quer dizer que eles não ligam para moda, ou que eles não tenham seu espaço.

Desfile Gucci men-verao2012 (Milão)

Pretendo comentar os looks masculinos dos grandes desfiles e da vida real também. E abrir um espaço para ouvir a voz deles também. Sejam bem-vindos ao CR rapazes!

Beleza de verdade – Vogue

Em todos os sites e blogs de moda não se fala de outro assunto: A capa da Vogue Itália de  junho.

A revista de moda mais influente do mundo, revolucionou ao deixar em sua capa modelos lindíssimas – a diferença, é que essas são modelos plus size.

Isso quer dizer que ao invés de modelos anoréxicas ou que ao menos pareçem ser, a Vogue decidiu mostrar que a beleza também está nas curvas.

Capa da Vogue ItáliaAliás, dizer que a beleza está nas curvas não é nenhuma novidade, pois, pelo menos eu, nunca ouvi ninguém dizer que achava bonito aquelas modelos que mais parecem caveiras com silicone.

Aplaudo de pé iniciativas como essa, com o intuito de quebrar barreiras e o tradicionalismo que impõe um padrão de beleza (e magreza) inatingível.

Saem de cena os ossos a mostra, e entram as pernas grossas, o busto avantajado e os quadris largos, qualidades que a propósito são predominantes no biotipo da brasileira.

E as modelos plus size simplesmente arrasam em fotos lindas e sexy, dando de mil nas magricelas por aí.

Esse ensaio da Vogue só veio para reforçar tudo que já tenho notado recentemente na “indústria da moda”. Parece que aos poucos tem surgido um pouco mais de noção nesse meio, acabando com o incentivo à magreza extrema e fortalecendo a imagem da maioria das pessoas normais – que possuem curvas -.

Sinceramente, espero que pequenos passos como esse representem, de fato, um grande avanço na moda mundial. E que a referência de beleza e sensualidade passem a ser imagens como estas.

Quem quiser ver mais fotos e o video do ensaio, só entrar no site da Vogue.

E então, o que vocês acham?

Impressões – Namorados Riachuelo

Fui à Riachuelo conferir as coleções especiais para o dia dos namorados que lançaram. E dessa vez, além de roupas femininas, também lançaram masculinas e lingeries. 😉

Impressões:

Coleção Cris Barros 2 :

Essa já é a segunda coleção da Cris Barros para a Riachuelo. Eu gostei da coleção passada, trouxe um ar inovador para a loja e tinha um toque ousado. Mas agora, não sei se é porque a Cris Barros na Riachuelo não é mais novidade ou o quê… mas a impressão que tive é de que tá tudo igual à coleção passada. Quem amou a última vai amar essa, quem não gostou vai achar a mesma coisa. A sensação é que ela desenhou tudo de uma vez e a R decidiu por separar em duas coleções. Isso provavelemte aconteceu, e para mim, foi quase um “tiro no pé” porque essa vez ficou meio sem graça. Mas repito, quem gostou da última vai gostar dessa!

Coleção Thais Gusmão:

Simplesmente encantadora! Recomendável para quem adora comprar lingeries, ou para quem quer alguma diferente. Cada peça mais linda do que a outra e dá vontade de comprar tudo. Claro que tem lá seus pontos baixos, mas é minoria. Ponto de atenção para as bolsas (que eu nem tinha reparado no catálogo), acessórios e roupa de cama com estampas divertidas.

Coleção Pedro Lourenço:

Incrível a coleção do Pedro (até porque, de filho de Glória Coelho e Reinaldo Lourenço só se espera talento). Até eu fiquei com vontade de comprar as peças, e olha que a solteira aqui está sem boyfriend pra presentear. Uma pitadinha de estilo para o gato sempre vai bem. Mas deve-se tomar cuidado porque para usar certas peças tem que ter estilo e saber como compor o look.

Ah, a Riachuelo informa que vai haver reposição das peças frequentemente, então, ainda dá tempo de comprar. É só correr para as lojas e garantir o presentinho de dia dos namorados. E pra quem não namora, vale se presentear também!

Griffe Show

Começa hoje em Belo Horizonte mais uma edição do Griffe Show. Quem me conhece, sabe que aguardo por esse evento todo ano.

Na verdade, o Griffe Show acontece em duas edições, uma no outono (entre maio e junh0), e outra na primavera (entre novembro e dezembro).

Para quem não sabe, o evento é um mega bazar, que, normalmente, acontece no Minascentro e nele se encontram grandes lojas e marcas com até 75% de desconto! – Tá explicado o porquê da minha obsessão pelo Griffe? 😉 –

Mas é importante ter em mente que, como em todo bazar, você provavelmente vai encontrar peças de coleções antigas e “encalhadas” no estoque. Já tive experiência de ver uma peça em uma edição e encontrá-la de novo na edição seguinte. Justamente por isso, os descontos.

Vá com tempo e paciência – é possível que você passe mais de uma tarde indo aos estandes das lojas. E é bem provável que precise voltar lá para ver tudo.- E também é preciso estar disposto a “garimpar”, procurar bastante dentre as peças da coleção passada até encontrar aquela roupa ou sapato perfeito que vai arrasar atualmente, ou que seja atemporal.

Apesar disso, não é difícil sair de lá cheia de sacolas nas mãos. Por isso, confira o limite do cartão de crédito, e comece por suas marcas favoritas, para não correr o risco de estourar o limite antes de encontrar as roupas e acessórios que você mais gosta.

Esse ano, o Griffe Show vai de 23/05 a 12/06. Tá aí uma boa sugestão de onde comprar o presente do dia dos namorados.

Os ingressos custam R$6,00 a inteira e R$3,00 a meia.

Minas Trend Preview (ou REview)

(Esse post tá mais para “REview”, já que o evento acabou a alguns dias e eu ainda não comentei nada por aqui.)

Aconteceu de 11 a 14 de maio o Minas Trend Preview, que apresenta as tendências da moda para a estação seguinte. Esse de agora apresentava as tendências primavera/verão 2012.

Quem não é de MG, ou até mesmo quem é, talvez não conheça nosso evento de moda.  Numa  explicação beeem superficial, o Minas Trend Preview é um evento de moda que acontece por aqui, do tipo que quer ser Fashion Week “quando crescer”… rsrs

Nas palavras do site oficial:

O Minas Trend Preview é o principal evento de pré-lançamentos já consolidado como um dos maiores acontecimentos de moda e comportamento do país.

 E claro, um importante espaço de geração de negócios. São palestras, desfiles e salão de negócios para lojistas de todo o Brasil, compradores internacionais, jornalistas e formadores de opinião. Conceito inédito no Brasil, o Minas Trend Preview promove a troca de conhecimento, a integração entre profissionais e estimula o crescimento e a organização do setor. O Minas Trend Preview, através da coleção de pré-lançamento, auxilia o lojista e impede a desvalorização das marcas com liquidações prolongadas.

Tudo bem, agora eu retiro as minhas palavras e esclareço que o MTP não é aprendiz de Fashion Week, que tem um conceito diferente e inovador… (!) Enfim, o post é para falar das tendências e aqui vamos nós.

Primeiro quero dizer que não sou crítica de moda, não fiz curso nenhum sobre isso. Sou apenas uma pessoa normal e curiosa, que gosta de pesquisar sobre o assunto, e a minha opinião é de consumidora e admiradora.

Primeiro, o que mais me chamou atenção, foi a invasão das cores frias, como azul, verde e cinza em uma estação que é território predominante das cores quentes.

Uma - Minas Trend Preview - Verão 2012

Uma - Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

Aysle - Minas Trend Preview - Verão 2012

Aysle - Foto : Agência Fotosite

Chou Chou  - Minas Trend Preview - Verão 2012

Chou Chou - Foto © Agência Fotosite

Apartamento 03 - Foto: © Agência Fotosite

Vivaz - Minas Trend Preview - Verão 2012

Vivaz - Foto:© Agência Fotosite

Vi também MUITOS acessórios, principalmente pulseiras e colares, exageradamente grandes ou em grande quantidade:

Claudia Arbex- Minas Trend Preview - Verão 2012

Claudia Arbex - Foto : Agência Fotosite

Camaleoa - Minas Trend Preview - Verão 2012

Camaleoa - Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

Mary Design - Minas Trend Preview - Verão 2012

Mary Design - Foto : Agência Fotosite

Blue Banana  - Minas Trend Preview - Verão 2012

Blue Banana - Foto : Agência Fotosite

Estampas super alegres e divertidas, como manda o figurino.

DTA - Minas Trend Preview - Verão 2012

DTA - Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

Blue Banana - Minas Trend Preview - Verão 2012

Blue Banana - Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

Alessa - Minas Trend Preview - Verão 2012

Alessa - Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

Achei bem interessante a proposta das bolsas coloridas:

Rogerio Lima - Minas Trend Preview - Verão 2012

Rogerio Lima - Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

Minas Trend Preview - Verão 2012

DTA - Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

Cavalera- Minas Trend Preview - Verão 2012

Cavalera- Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

Uma  - Minas Trend Preview - Verão 2012

Uma - Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

E por último, mas não menos importante: os pés. Sandálias estampadas (!) apareceram em vários desfiles. Será que é só para apresentação, apenas algo conceitual, ou tendência para a vida real?

DTA  - Minas Trend Preview - Verão 2012

DTA - Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

Blue Banana  - Minas Trend Preview - Verão 2012

Blue Banana - Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

Chicletes com Guarana  - Minas Trend Preview - Verão 2012

Chicletes com Guarana - Minas Trend Preview - Verão 2012 Foto : Agência Fotosite

Tem mais fotos do MTP aqui no Flickr namídia.

E aí, o que vocês acharam dos desfiles e das tendências Minas Trend? Eu até senti vontade de usar algumas coisas, na verdade quase tudo. Só não sei bem sobre isso de estampas nos calçados. Espero que seja, de fato, coisa de desfile. Só eu penso assim?

Pena que o verão ainda está longe, e os termômetros nos levam a procurar lãs e cachecóis por agora. Mas a gente chega lá 😉

Cadeira fashion – Gisele para C&A

Estava passeando pelo shopping em pleno Dias das Mães (homenagem pra ela: beiiijoo mãe!) e entramos na C&A.

Aqui entra uma confissão a fazer: a C&A nunca me pegou. A vida toda, quando ia comprar roupas, passava por lá, mas sempre detestei o caimento das roupas em mim, além de sempre ter a sensação de que não havia nada bom pra comprar. Em matéria de fast fashion, sempre dava preferência à Riachuelo ou à Renner.

Pois bem, depois das reformas que a C&A anda fazendo (está rolando no Brasil todo ou só em BH???), confesso que o upgrade no design da loja me fez repensar e dar uma segunda chance. Então retornei às lojas da C&A – bem animada, diga-se de passagem -. Quase tenho a sensação de que vamos chegar à fast fashion de qualidade no Brasil.


Mas como eu dizia, estava eu, passeando pelas araras da loja, quando fui conferir a coleção que leva a marca da top Gisele Bündchen. – Também não sei se isso acontece em todo o Brasil, mas aqui em BH, certas franquias são mais valorizadas do que outras, quero dizer, as boas roupas e coleções mais disputadas vão para as lojas dos bairros mais caros da cidade. – Não sei se tinha todas as peças da coleção lá onde eu estava (acho que não) mas particularmente eu não estava gostando de nada!

Não que as roupas fossem feias. Na verdade, eram peças bem usáveis, mas os preços estavam bem salgadinhos para uma loja com uma proposta de alcançar um públio maior, mais popular. Não sei o que anda passando na cabeça dessas lojas de fast fashion que acham que estam com tudo e podem “meter a mão” no bolso da gente. Se é pra pagar caro, melhor pagar numa grife!

Continuei não gostando de nada até que me deparei com esse blazer:

Momento “cara-de-pau” tirando foto no celular no meio da loja!

Cai de amores! Depois desse blazer a coleção não precisava de mais nada pra me encantar. Porém, na foto não parece mas achei que pra mim ficou comprido (principalmente nas mangas) e me deu uma imensa preguiça só pensar em ter que mandar ajustar. Em compensação, pras mais altas as mangas ficam curtas (só falo porque vi pessoalmente).

Depois da minha decepção com o que passei pra encontrar a coleção da Stella McCartney (depois escrevo aqui) a C&A quase me pegou. Não chegou lá. Mas pelo menos não me fez desistir e me arrepender da 2a chance que dei.

E vocês, o que acharam da coleção? Alguém já conferiu? O que acham da C&A, só eu que tenho problemas com ela?